Geral

Serviços ao
Consumidor

Notícias Celesc

09.05.19

Celesc promove workshop para aprofundar práticas sustentáveis nas parcerias comerciais

Fornecedores diretos, indiretos e interessados na prestação de serviços à Companhia devem realizar inscrição gratuita no site da Empresa

No dia 16/05, a Celesc irá realizar em sua sede, em Florianópolis, o 3º Workshop de Fornecedores. Com mais de 60 empresas de todas as regiões do país inscritas até o momento, o evento visa estreitar o relacionamento e ampliar o diálogo sobre questões estratégicas de aquisições e políticas da holding catarinense com seus fornecedores.

“A ideia é que nossos atuais e futuros parceiros tenham mais conhecimento sobre os procedimentos adotados pela Empresa, bem como diretrizes socioambientais importantes que integram o Código de Ética, como a política anticorrupção, políticas socioambientais e de aquisições relativas ao Programa BID, Banco Interamericano de Desenvolvimento com o qual a Celesc estabeleceu parceria recente e que já está norteando processos de aquisição e contratação na empresa", afirma Regina Schlickmann Luciano, assessora de Responsabilidade Socioambiental.

A expectativa é de que, a partir do conhecimento compartilhado, as empresas que prestam serviços à Celesc, de forma direta ou indireta, adotem práticas que estejam alinhadas às diretrizes da Companhia. "A pauta do encontro foi elaborada a partir de pesquisa socioambiental realizada com, aproximadamente, 70 empresas fornecedoras. O objetivo foi conhecer suas necessidades para aperfeiçoar o relacionamento comercial que a Celesc almeja e que considera padrões atuais de sustentabilidade em toda cadeia de fornecedores", conta Regiane Marlene Dias, coordenadora do evento.

fornecedores

Por isso os atuais parceiros da holding catarinense estão sendo estimulados a convidar seus próprios fornecedores para participar do workshop. O convite também está aberto às instituições que buscam estabelecer uma relação comercial com a Celesc. “A inscrição é gratuita e pode ser realizada até o dia 13 de maio, em um banner disponível aqui na home do site da Companhia", afirma Regiane.

Reforço ao compromisso com a ética

Por meio de carta de compromisso assinada em abril, a diretoria executiva da Celesc tornou público aos empregados, parceiros de negócios, sociedade e órgãos institucionais seu apoio às práticas de governança e anticorrupção, fortalecidas pelo Programa de Compliance da Companhia, criado em 2018. “O documento, assinado pela alta administração da Empresa, reforça que a conduta ética é considerada premissa básica pela gestão da holding. Ele também detalha as diretrizes e objetivos do Programa, sustentados por valores e princípios éticos que integram seu Código de Conduta Ética, a Política Anticorrupção e a Política de Consequências” explica a diretora de Gestão Corporativa, Claudine Anchite.

Sobre o Programa de Compliance

A Celesc, alinhada às melhores práticas do mercado, instituiu seu Programa de Compliance em junho de 2018, com foco no atendimento à legislação vigente e atuando para prevenir, detectar, responder e corrigir possíveis atos de fraude e corrupção, oferecendo mais garantias para a lisura de seus processos.

O Programa, disponível no site da Celesc — assim como o Codigo de Ética da Companhia e a Política Anticorrupção , está baseado em seis pilares:

· Tom da liderança: patrocínio e exemplo da alta administração;

· Diretrizes: código de conduta ética, políticas internas e legislação pertinente a integridade;

· Comunicação e treinamento: disseminação de conceitos, divulgação de informações e treinamentos periódicos;

· Monitoramento: canal de denúncias, análise de integridade, monitoramento e avaliação de riscos de integridade;

· Investigação: corregedoria e inquérito administrativo;

· Medidas corretivas: gestão de consequência e melhoria contínua.

As eventuais irregularidades e desvios de conduta que afrontem os valores de ética e integridade serão recepcionados e tratados por meio de canal de denúncia e comitê de ética, baseadas nas práticas consolidadas de compliance.

 

Por Heda Wenzel (Comunicaz a serviço da Celesc).