Geral

Serviços ao
Consumidor

Notícias Celesc

19.02.19

Clima quente puxa consumo nacional

clima quente1
 
 
Fonte: Agência Canalenergia, de São Paulo (SP).
 
O consumo nacional de energia elétrica em janeiro alcançou 73.090 MW médios, o que representa um aumento de 6,6% na comparação com igual período de 2017, informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) em boletim divulgado nesta terça-feira, 19 de fevereiro.
 
A explicação está na ocorrência de temperaturas “extremamente elevadas, principalmente nos subsistemas Sul e Sudeste/Centro-Oeste”. Com as temperaturas mais elevadas, a população intensica o uso de refrigeradores de ambiente, consequentemente contribuindo para também aumentar o consumo de energia elétrica.  
 
 
“A taxa de crescimento de 4,4% na carga ajustada corrobora com essa armação, indicando que os fatores fortuitos, não econômicos, contribuíram positivamente com 2,0% para a taxa de variação da carga do SIN em janeiro/18”, escreveu o órgão. Na comparação com dezembro de 2018, a carga de janeiro apresentou uma variação positiva de 7,8%. No acumulado dos últimos 12 meses, o Sistema Interligado Nacional (SIN) apresentou uma variação positiva de 2% em relação ao mesmo período anterior. 
 
 
Ainda segundo ONS, a carga avançou positivamente no Sudeste (7,8%), no Sul (8,8%), no Nordeste (2,8%), no Norte (0,6%), na comparação anual. Veja no quadro abaixo.
 
 
clima quente